A importância da doação de leite materno

A importância da doação de leite materno

 Todos os anos aproximadamente 150 mil litros de leite materno humano são coletados, processados e distribuídos aos recém-nascidos de baixo peso que estão internados em unidades neonatais de todo o Brasil e não podem ser amamentados pela própria mãe.
Com ele, a criança se desenvolve com saúde, tem mais chances de recuperação e fica protegida de infecções, diarreias e alergias.
Não existe quantidade mínima para a doação. Um litro de leite materno doado pode alimentar até 10 recém-nascidos por dia, dependendo do peso do bebê.
Após a coleta, é realizado um processamento e posteriormente a distribuição do leite humano para bebês prematuros internados de baixo peso (menos de 2,5 kg) e com patologias, principalmente do trato gastrointestinal.
Rede de Bancos de Leite Humano
O Brasil possui a maior e mais complexa Rede de Bancos de Leite Humano (rBLH) do mundo, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). O Ministério da Saúde e a Fundação Oswaldo Cruz criaram a Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano (rBLH-BR) em 1998 com a missão de promover, proteger e apoiar o aleitamento materno, coletar e distribuir leite humano com qualidade certificada e contribuir para a diminuição da mortalidade infantil.
Acesse o link abaixo para localizar um Banco de leite mais próximo ou ligue para o Disque Saúde, no número 136, para tirar qualquer dúvida.
O ato solidário de doar leite materno humano significa vida para uma criança. 
Doar leite materno humano é um gesto que salva vidas. 

Fonte:

https://rblh.fiocruz.br/localizacao-dos-blhs

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.